Ex: Aj Styles, CM Punk, WWE, All Elite Wrestling e etc...

Adam Cole diz que ver Roderick Strong liderando um grupo é assustador

Adam Cole é apontado como um dos melhores trabalhadores in-ring que a já viu e continua sendo uma das principais estrelas do desde sua estreia em 2017. Suas habilidades são inigualáveis ​​e ele já competiu em algumas das melhores lutas da história do .

Adam Cole dissolveu a Undisputed Era e desde então se envolveu em uma rivalidade amarga com Kyle O’Reilly, deixando os outros membros do grupo seguirem seus próprios caminhos. Isso é exatamente o que aconteceu quando Roderick Strong estreou novamente no final do episódio da semana passada do NXT, onde foi revelado ser o líder da nova facção chamada The Diamond Mine.

Ao falar no podcast ‘After The Bell’ de Corey Graves, Adam Cole falou sobre a nova facção de Roderick Strong e o que isso significaria para KUSHIDA e outros. Adam Cole admitiu que Strong ser o líder da facção é assustador.

“Roddy é provavelmente o adversário mais difícil com quem já estive no ringue. Quando você termina de lutar com Roddy, você definitivamente se sente como se tivesse lutado de verdade. Ele traz algo a mais, ele sempre trouxe e sempre trará. Então, a ideia de ele estar na vanguarda, ou o que parece, deste novo grupo, é assustador.”

“Acho que é assustador para toda a marca, definitivamente assustador para KUSHIDA. Acho muito legal para Roddy encontrar este novo grupo e nova equipe. Ele parece tão confiante como sempre, mas eu realmente espero que Roddy fique de fora do meu caminho. A ideia de ter que lidar com Roddy tão tenso e tão em chamas é algo com que não estou pronto para lidar agora.”

Além de Roderick Strong, a Diamond Mine é composta por Tyler Rust e Hideki Suzuki junto com Malcolm Bivens assumindo o papel de manager. Teremos que ver como a facção será usada no NXT.

Contato | Politica de Privacidade | Sobre nós | Equipe | Anuncie
Copyright (c) 2010-2021 Wrestling Noticias - Todos direitos reservados