Ex: Aj Styles, CM Punk, WWE, All Elite Wrestling e etc...

Comentários e Notas: IMPACT Emergence 2021

No último dia 20 agosto, a realizou o seu especial mais recente, o Emergence. Em uma noite de ação, a empresa apresentou 9 combates de qualidade… mas será que foram mesmo ? Bem-vindos a mais uma edição do Comentários e Notas, o quadro onde avaliamos as lutas dos principais eventos das principais empresas atualmente no pro-wrestling.

Antes de começarmos, deixa eu dar um recado importante: O sistema de notas NÃO reflete sobre o que essas lutas aqui foram se comparadas com outras. Explicando melhor, não é porque uma luta aqui é nota 10 que ela se compara com lutas que foram 5 estrelas, nada disso, porém, pro padrão que o evento se propôs a apresentar, ela foi nota 10, deu pra entender direitinho ? Sem mais delongas, bora lá:

Matt Cardona vs. Rohit Raju

Cardona e Raju fizeram uma boa luta pra abrir o show, uma luta em si que tinha até certo potencial porque os estilos deles se complementam e suas “filosofias” na empresa são diferentes também. Eu esperava que a luta fosse abrir o show de um jeito bom, mas me surpreendi com o ritmo que eles conseguiram aplicar aqui e os bons spots que eles fizeram. Não gostei muito do final mas não tirou muito da qualidade da luta em si.

Vencedor: Matt Cardona – Nota: 6,5/10

Decay vs. A rapaziada

Eu não sou muito fã de lutas de grupos com mais de 6 pessoas envolvidas, então não vou mentir e fingir que achei essa luta boa porque eu realmente não achei. Tem a história da Steelz querendo recuperar os Knockouts Tag Titles da Decay, então Evans, Bahh e No Way foram arrastados pra esse meio. Dentro do ringue foi até que bem normal, nenhum erro aparente e nem nada de tão especial pra se destacar. Não dava pra saber quem era os heels e os faces, mas acabou que passou.

Vencedores: Decay – Nota: 5/10

Petey Williams vs. Steve Maclin

Uma boa luta e que mostrou pra gente um pouco mais do que o Steve Maclin é capaz de fazer. Foi uma rivalidade até que bem longa se a gente analisar, e o “ódio” de um contra o outro ficou bem estampado na luta aqui, então achei bem legal terem conseguido aplicar esse fator. Gostei também de como eles fizeram o Petey atacar o Maclin antes da luta começar pra dar o efeito de inimizade real, e no ringue a gente não tem muito o que falar além de que foi muito bom. O finisher do Maclin é bem bonito de ser ver, bom final e boa construção de personagem pro Steve.

Vencedor: Steve Maclin – Nota: 7/10

Madison Rayne vs. Taylor Wilde

É até meio triste ter que dar uma nota baixa pra uma luta que envolve duas lendas da empresa, mas foi uma luta de ruim pra média. A performance de Wilde foi bem consistente, mas a Rayne não estava em um de seus melhores dias. Ela quase não fez nada e, quando fez, não foi bom. O modo como a Rayne entrou meio de penetra na feud da Wilde com a Tenille Dashwood não foi legal. Uma luta chata pra uma feud chata e rápida.

Vencedora: Madison Rayne – Nota: 4/10

4-Way Match

Uma das melhores lutas da noite, não tem como dar errado quando você coloca quatro dos mais talentosos da empresa no mesmo ringue. Talvez o final tenha sido meio estranho por causa do Roll-up, mas dá pra entender se analisarmos como uma possível feud sendo construída entre Callihan e . Tirando esse ponto, a luta foi muito bem feita e, pra mim, Austin foi o melhor dentre os quatro, uma atuação impecável do garoto. A crowd tava gostando, eu tava gostando, todos estávamos unidos aqui e essa luta merece muitos elogios.

Vencedor: Nota: 8,5/10

Jake Something vs. Josh Alexander

No que foi facilmente a melhor luta da noite, Alexander defendeu seu X-Division Title com muito estilo. As transições entre os golpes foram perfeitas, o modo como a luta sempre parecia que ia acabar em algum momento aleatório e, mesmo sabendo que Alexander venceria, você sentia lá no fundo que o Jake tinha alguma chance, mas não teve. Vale destacar aqui os 10 German Suplex que o Alexander aplicou no Jake, a crowd sempre conectada ajudou muito. É impressionante como o Alexander tem se provado cada dia mais lutando solo e como ele tem sido, na minha opinião, o melhor lutador da IMPACT recentemente. Ele me lembra o Kurt Angle e eu não ligo se estou sendo exagerado.

Vencedor: Josh Alexander – Nota: 9/10

King & Queen vs. e Trey

Bom, essa aqui foi a famosa luta pra dar um gás na curta rivalidade entre a Deonna e a antes da luta no Empowerrr, então é compreensível que tenha sido de ruim pra média também. Depois de termos passado por Alexander vs. Jake, era difícil que algo animasse a crowd novamente em um período tão curto e essa luta foi bem chata. Trey Miguel foi o destaque, até porque ele é o melhor dos quatro em fazer acrobacias. Um ponto que me incomodou foi o sinal, tipo, sério ? Sabendo que a possivelmente não vai derrotar a Purrazzo, colocar o Rehwoldt pra fazer o pin nela foi a decisão certa ? Pra mim, não, foi um erro da empresa.

Vencedores: Deonna Purrazzo e Matthew Rehwoldt – Nota: 4,5/10

Tag Team Triple Threat

Uma luta bem ok, mas nada que seja muito grande saiu dela não. Eu esperava bem mais do que foi apresentado por causa dos nomes envolvidos, mas simplesmente não rolou. Tinham duas duplas heel e uma dupla babyface, isso poderia ter dado em algo mais profundo e a empresa não soube aproveitar isso. A luta se resumiu em todo mundo dando uma surra no Rich Swann só pro Mack entrar com bastante apoio da galera e depois a luta acabar do nada só 1 minuto depois. Parece que o Swann voltou pro ostracismo de vez após perder pro no Rebellion.

Vencedores: Good Brothers – Nota: 6,5/10

Brian Myers vs.

A primeira defesa do recém conquistado IMPACT World Title de saiu melhor do que o esperado. Era meio óbvio que o Myers tinha zero chance de vencer, mas ainda assim ele conseguiu entregar uma grande luta e boas reações da crowd. Christian precisava dessa vitória e precisará de mais algumas pra solificar esse primeiro reinado dele como IMPACT World Champion e pra ajudar a elevar esse cinturão pra quando ele for passado adiante. Uma luta esquecível mas muito boa pro que a galera esperava.

Vencedor: Christian Cage – Nota: 7,5/10

Pra mim, a nota geral do evento foi 6,5. Concorda ou não ? Coloca sua opinião aí nos comentários e bora discutir saudavelmente, belezinha ? Até mais!

Contato | Politica de Privacidade | Sobre nós | Equipe | Anuncie
Copyright (c) 2010-2021 Wrestling Noticias - Todos direitos reservados