Ex: Aj Styles, CM Punk, WWE, All Elite Wrestling e etc...

Comentários e Notas: WWE SummerSlam 2021

No último dia 21 agosto, a WWE realizou um deus grandes pay-per-views, o . Em uma noite de ação, a empresa apresentou 11 combates de qualidade… mas será que foram mesmo ? Bem-vindos a mais uma edição do Comentários e Notas, o quadro onde avaliamos as lutas dos principais eventos das principais empresas atualmente no pro-wrestling.

Antes de começarmos, deixa eu dar um recado importante: O sistema de notas NÃO reflete sobre o que essas lutas aqui foram se comparadas com outras. Explicando melhor, não é porque uma luta aqui é nota 10 que ela se compara com lutas que foram 5 estrelas, nada disso, porém, pro padrão que o evento se propôs a apresentar, ela foi nota 10, deu pra entender direitinho ? Sem mais delongas, bora lá:

Baron Corbin vs. Big E

Antes de tudo, já vou avisando que a história do Corbin roubando a MITB do Big E foi muito apressada, tipo, eles podiam ter feito isso uma ou duas semanas antes pra que a gente pelo menos tivesse um pouco mais de história envolvida aqui, já que a gente nem viu muito o que poderia sair daqui, mesmo que fosse pouca coisa.

Pra uma luta que abriu o show, foi até que bem ok se formos considerar o que vem pela frente, mas nada que se destaque. Foi até que uma maneira legalzinha de devolver a maleta pro Big E e afundou ainda mais o Corbin, então até que ajudou na própria storyline dele. Luta básica, mediana.

Vencedor: Big E – Nota: 5,5/10

e Omos vs. RK-Bro

RK-Bro tem sido uma das melhores coisas que a WWE fez colocando no RAW, mas convenhamos que essa luta aqui foi bem longe do que a gente espera deles. Além de ter sido uma luta extremamente rápida, o reinado do e do Omos pelos RAW Tag Team Titles não pareceu tão bem aproveitado como poderia ser, mas a gente releva porque o Omos realmente não é bom no ringue. Quanto mais rápido, menos a gente vê ele vendendo os golpes em câmera lenta.

Os novos campeões tem uma dinâmica bem legal juntos e, até que o Orton traia o Riddle, podemos ter bons segmentos e boas defesas de título caso a WWE saiba investir direito na dupla. Styles foi o destaque pra mim, mas acaba que cada vez mais ele fica perto da aposentadoria como ele mesmo já havia mencionado antes.

Vencedores: RK-Bro – Nota: 6/10

vs. Eva Marie

É, o ano é 2021 e ainda precisamos ver a Eva Marie em um ringue da WWE, justo em um dos quatro maiores eventos do ano. Sendo sincero e resumindo bastante ? Foi uma luta ruim como parecia que seria no papel. Bliss já esteve aqui antes e trabalhou com várias lutadoras talentosas, mas a Eva não se enquadra muito nesse espaço. Ela melhorou desde a última passagem ? Sim, mas continua ruim.

Continuamos com as coisas envolvendo a boneca Lilly. O senso de descrença pra acreditar nessa boneca tem sido um dos maiores envolvendo storylines “paranormais”, é difícil de engolir. A Bliss tenta fazer funcionar, mas meter a Eva Marie e a Doudrop (que tem talento e merecia mais do que estar envolvida com a Eva, sem contar que o nome dela é Piper Niven, Doudrop parece nome de remédio) não ajuda.

Vencedora: Alexa Bliss – Nota: 3/10

Damian Priest vs. Sheamus

Na melhor luta do evento até aquele momento, Priest e Sheamus se esforçaram pra entreter a crowd. Foi uma luta bem legal, especialmente ver como eles abordaram o elemento da máscara do Sheamus, como se ele ficassem fraco sem ela. Priest era o cara certo pra vencer essa luta, não tinha nenhum motivo pra WWE fazer o Sheamus vencer sendo que os outros “rivais” dele (Humberto Carrillo e ) são, bom, são jobbers na visão da WWE.

Sheamus tem sido um dos pontos de destaque da WWE nos últimos 18 meses, até me surpreende que ele não tenha tirado o WWE Title do Drew na época, merecia bastante. Talvez agora ele ganhe uma nova chance já contra o Lashley, mas aí precisamos esperar pra ver. Já o Priest, bom, esse está finalmente comemorando.

Vencedor: Damian Priest – Nota: 7,5/10

The Mysterios vs. The Usos

Mesmo que eu ainda ache estranha a ideia de ter dado um título pro Jimmy depois que o cara foi preso, não podemos negar que ele e os outros três aqui tem bastante talento e entregaram uma boa luta. As duplas já se encontraram algumas vezes recentemente, então foi até que bacana ver que essa luta não ficou tão atrás das outras na qualidade, não comprometeu muito.

O ponto principal da luta foi a tensão crescendo entre Rey e Dominik, o que deixa bem claro que alguém vai fazer um heel turn em breve. Agora, precisamos ver com quem cada dupla vai lutar, ter mais uma luta entre eles seria bem broxante e precisamos de mais rotatividade por esses títulos.

Vencedores: The Usos – Nota: 6,5/10

vs.

Ruim, péssima, desagradável, deprimente, destrutiva, horrível, triste, podre, deselegante e triste, esses são apenas alguns dos doces adjetivos que eu vou dar pra essa luta, quer dizer, que luta ? 26 segundos, isso aí, demorou 26 segundos pra que a Bianca perdesse seu Women’s Title para Becky Lynch, a indestrutível. Cara, seguinte, eu não me lembro de ter visto uma coisa tão deplorável desde que eu comecei a assistir pro-wrestling, tipo, precisava disso ? Primeiro que não fazia sentido a Becky vir atrás da campeã do SmackDown, já que ela abdicou do RAW Title, uma brisa danada. Foi legal ver o retorno ? Foi, mas o que veio depois estragou tudo.

E aí, a pior parte é que foi uma Squash Match contra a Bianca, a mulher que foi construída o ano todo e aí perdeu, olha que coisa bacana. Bianca aguentou mais de 1 hora de luta pra vencer no Royal Rumble, derrotou Sasha Banks e Bayley, uma delas em pleno evento principal de WrestleMania, e ela perde em menos de 30 segundos ? Cara, foi literalmente sacrificar a Bianca, a divisão, o título e o booking só pra elevar a Lynch que nem deveria estar aqui.

Se a Banks não podia lutar, trouxesse qualquer outra pessoa que não estava no evento. Natalya, Tamina, Tegan Nox, Shotzi, cadê a Toni Storm, Vince ? Fez uma luta e desapareceu. Perder nesse evento seria um baque ? Claro, mas pelo menos seria em um SummerSlam. Se a Lynch não estava 100% liberada pra ter uma luta completa, ENTÃO POR QUE APARECEU ?

Se o objetivo era criar heat pra ela, foi mais uma ideia errada do Vince. Ao invés de estarmos com raiva dela, estamos com raiva é dele por ter uma ideia tão imbecil assim. Eu só não dou uma nota negativa pra essa luta porque a Bianca merece respeito por ter que passar por uma situação dessas.

Vencedora: Becky Lynch – Nota: 1/10

Drew McIntyre vs. Jinder Mahal

Drew McIntyre vs. Jinder Mahal, apenas. Era uma feud que poderia ser resolvida em um RAW qualquer ? Poderia, mas inventaram de colocar essa luta aqui por alguma razão que eu não compreendo. Foi uma luta minimamente boa ? Sim, mas precisava mesmo estar em um SummerSlam ? Mais um vacilo pra conta da empresa.

É meio deprimente ver onde o McIntyre está, o cara foi um dos pilares da empresa durante a pandemia, foi escanteado pra dar espaço pro Lashley (com razão) e agora está aí, com uma espada em mãos e destruindo motocicletas. Essa luta me deu a impressão que foi só pra falar que colocaram o Drew no card, mas foi só isso.

Vencedor: Drew McIntyre – Nota: 5/10

Charlotte Flair vs. Nikki A.S.H vs. Rhea Ripley

Sabe como a gente percebe que a Charlotte Flair realmente está em um nível muito acima ? Em lutas como essa aqui. Não tem como deixar ela fora da rota de um cinturão, ela é a melhor do roster e sempre vai conseguir um lugarzinho ali no topo. Foi uma luta boa pela junção dos três estilos envolvidos aqui, e mais uma vez a Charlotte reinou como manda o figurino.

Meu problema com a luta foi a Nikki. Tipo, eu entendo que a WWE tenha dado o título pra Charlotte outra vez, mas a storyline que eles estavam contando através da Nikki, usando superação, reinvenção e tals, foi meio que enterrada aí. Ela não vai mais ficar over sozinha o suficiente com essa gimmick aí, e a Rhea já perdeu “tanto” que ela também ficará fora da rota do cinturão. Com isso em mente, quem vai desafiar a Charlotte ?

Vencedora: Charlotte Flair – Nota: 7/10

Edge vs. Seth Rollins

Chegamos na melhor luta da noite. Ver uma luta entre Rollins e Edge sempre foi um desejo dos fãs desde aquele segmento do pé no pescoço, então finalmente ver isso foi melhor do que eu imaginei. A psicologia junto com a história dentro da luta foi o que elevou esse confronto. Foi muito ver como eles não esqueceram o que o Edge disse sobre Rollins despertar o pior dentro dele e fizeram a entrada temática da Brood, um bom detalhe.

O maior ponto negativo pra mim foi o final, mas dá pra entender. Mesmo que Rollins tenha perdido com um simples Crossface, fica bem claro que teremos uma revanche. Será que eles vão guardar até o Crown Jewel em outubro ou vão usar como carro chefe do Extreme Rules ? Onde quer que seja, sei que não vou me decepcionar.

Vencedor: Edge – Nota: 8/10

Bobby Lashley vs. Goldberg

Foi uma luta maior do que as que Goldberg teve nos últimos anos, mas isso não significa que foi boa. Foi bem chata e expôs bem como Goldberg não aguenta mais, o selling dele pra “lesão” foi horrível. bateu com a bengala na perna dele e demorou 1 ano pra que ele sentisse a dor, bem paia mesmo. Sem contar que a crowd estava toda apoiando o Lashley, mas aí é óbvio também, quem raios quer o Goldberg como WWE Champion em 2021 ?

O problema é que a revanche já é quase certa pro Crown Jewel, uma revanche que ninguém quer ver e que dá uma certa impressão que o Lashley vai perder, o que seria um erro grotesco. A ideia desses dois aqui lutando outra vez é broxante, tira ainda mais o brilho do WWE Title.

Vencedor: Bobby Lashley – Nota: 4/10

John Cena vs. Roman Reigns

Dentre as poucas lutas que eu considerei boas nesse evento horroroso, essa aqui é um destaque. Cena e Reigns conseguiram produzir algo bem gostoso de se assistir, interagindo com a crowd e não se desconectando em momento nenhum, os near-falls foram feitos com um ótimo timing. Mesmo que a vitória do Cena não fosse exatamente uma coisa ruim, a WWE fez bem em deixar o Reigns vencer e aumentar ainda mais seu legado.

Um bom ponto dessa luta aqui também foi o retorno de Brock Lesnar após o final dela, prontinho pra chutar a bunda de vagabundo e recuperar o Universal Title. Vai ser legal ver como a storyline deles se desenrola, principalmente com o fator em jogo ali. Minha única preocupação é com a data da luta, Extreme Rules ou Crown Jewel ? Se for em outubro, o que raios eles vão fazer até lá ?

Vencedor: Roman Reigns – Nota: 7,5/10

Pra mim, a nota geral do evento foi 5,5 e olha que eu estou sendo generoso. O evento teve suas partes boas e definitivamente não é o pior SummerSlam da história como muitos estão dizendo, mas continuou sendo decepcionante. Se a ideia era fazer esse evento aqui ser a WrestleMania de 2021, falharam e falharam feio. É claro que foi legal ver os retornos de Lynch e Lesnar, mas o da Lynch foi uma das coisas que estragou esse evento pelo que aconteceu.

Concorda ou não ? Coloca sua opinião aí nos comentários e bora discutir saudavelmente, belezinha ? Até mais!

Contato | Politica de Privacidade | Sobre nós | Equipe | Anuncie
Copyright (c) 2010-2021 Wrestling Noticias - Todos direitos reservados