Ex: Aj Styles, CM Punk, WWE, All Elite Wrestling e etc...

HOW Curiosidades

Fala galera. Trago hoje pra vocês algumas curiosidades que nem todos os fãs de PW conhecem. Mesmo eu, com mais de 13 anos de pesquisas e leituras sobre o assunto, confesso que já tinha ouvido falar em menos da metade desta lista. Vamos a ela.

10 – vs Charlie Sheen

Em 2012 Bryan estava no meio de um personagem em que ele estava incrivelmente irritado o tempo todo, e Charlie Sheen tinha acabado de iniciar seu programa de TV ‘Anger Management’ depois de deixar ‘Two and a Half Men’. Sheen entrou no WWE algumas vezes, atacando por seus problemas de raiva e criando uma briga. A intenção era que houvesse uma luta entre ambos. No entanto, de acordo com Bryan, Sheen e a não conseguiram chegar a um acordo, e Bryan acabou enfrentando Kane. Isso acabou sendo ótimo, pois foi o começo da história altamente bem-sucedida de ‘Team Hell No’ de Bryan e Kane que, sem dúvida, levou ao impulso do evento principal de Bryan e à conquista do título mundial na 30.

9 – Kurt Angle é surdo de uma orelha

Os anos de intenso wrestling amador deixaram o medalhista olímpico de ouro Kurt Angle surdo em um ouvido. Orelha de couve-flor significava que o líquido encheu sua orelha esquerda, que foi deixada endurecer, perdendo metade da audição. Supostamente, o ouvido de Angle foi drenado quase cem vezes, mas nunca recuperou nenhuma audição.

8 – DDP VS Jay-Z

Diamond Dallas Page processou o rapper Jay-Z por violação de marca registrada. DDP registrou um gesto conhecido como “The Diamond Cutter” que Jay-Z usou em seus videoclipes. O caso foi resolvido fora do tribunal quando Jay-Z pagou ao DDP uma quantia não revelada.

7 – Da história para a realidade

casou-se com a filha de Vince McMahon, Stephanie, na TV em 2000 como parte de uma storyline. Eles começaram a namorar na vida real durante o romance roteirizado e se casaram alguns anos depois.

6 – Filosofando sobre Wrestling

Em seu livro Mitologias de 1957, o filósofo e teórico literário francês Roland Barthes dedica um ensaio inteiro a quebrar a mitologia por trás da luta profissional. No ensaio “World of Wrestling”, Barthes descreve o quase-esporte como um “espetáculo de excesso” que apresenta uma forma idealizada da luta constante entre o bem e o mal. Apesar de ter sido escrito há mais de sessenta anos e originalmente em francês, o ensaio ainda contém muitas verdades da luta profissional contemporânea.

5 – Diplomacia através da Luta-Livre

Ainda no meio de uma carreira ativa, o lendário lutador japonês Antonio Inoki foi eleito para o parlamento de seu país. Em 1990, ele viajou para o Iraque como parte de uma delegação não oficial para negociar a libertação de reféns japoneses capturados pelas forças de Saddam Hussein. As negociações foram tão bem-sucedidas que Inoki, mais tarde, organizou um evento de luta livre no Iraque.

4 – Um acidente que teria mudado a história

“The Nature Boy” Ric Flair é um dos lutadores mais amados e aclamados de todos os tempos. Ele venceu 16 Campeonatos Mundiais em sua longa carreira. No entanto, sua carreira e vida foram quase tragicamente interrompidas cedo demais. Em 1975, Flair sofreu um grave acidente de avião que quebrou suas costas em três lugares diferentes. Os médicos inicialmente disseram a ele que não seria capaz de lutar novamente. No entanto, após um árduo regime de fisioterapia, Flair retornou ao ringue apenas oito meses após a queda do avião.

3 – Collision in Korea

O maior público ao vivo em um evento de luta-livre profissional foi em um local bastante surpreendente. Em 1995, a promotora americana e a promotora japonesa realizaram um evento de dois dias no May Day Stadium em Pyongyang, Coréia do Norte, chamado Collision in Korea. Cada dia trouxe uma multidão de mais de 150.000 pessoas, embora os relatórios indiquem que boa parte das pessoas que estavam assistindo foram forçadas a participar do show pelas autoridades norte-coreanas.

2 – O instinto animal de um Wrestler

Terrible Ted foi um lutador profissional que lutou por todos os Estados Unidos e Canadá desde os anos 50 até meados dos anos 70. Ele lutou com alguns dos maiores nomes da história do wrestling, como o astro Billy Graham, Bobby Heenan e Baron von Raschke. Mas o que tornou Terrible Ted único foi que ele era um urso preto de 100 kg! Para evitar ferimentos graves, Terrible Ted lutava com uma focinheira. É possível ver vídeos de algumas dessas lutas pela internet.

1 – Uma sede gigante

Em seu auge, o lendário Andre the Giant foi chamado de “oitava maravilha do mundo”. Devido ao seu grande tamanho com 2,24 metros e 236 kilos, ele era capaz de agüentar uns bons drinques. É relatado que ele já bebeu 106 cervejas em uma única noite e era conhecido por começar a manhã consumindo uma caixa inteira de vinho!

Por hoje é isso pessoal, digam aí nos comentários quantas dessas vocês desconheciam e qual foi a mais estranha.

Valeu!

Contato | Politica de Privacidade | Sobre nós | Equipe | Anuncie
Copyright (c) 2010-2022 Wrestling Noticias - Todos direitos reservados