Ex: Aj Styles, CM Punk, WWE, All Elite Wrestling e etc...

HOW Fantasy: Chapter 11 – “Regresso”

Na noite desta sexta-feira, dia 10 de janeiro, a House of Wrestling realiza mais um dos seus capítulos, o último antes do Royal Kingdom (realiza-se no dia 18), diretamente do Poliedro de Caracas, na Venezuela.

Estas são as lutas anunciadas para o show:

  • “The Fiend” Bray Wyatt vs Rey Mysterio valendo o Openweight Championship.
  • Matths vs Shorty G vs Jimmy Havoc valendo uma chance pelo Openweight Title no Royal Kingdom.
  • vs Mike Bailey valendo uma chance pelo Atlas Title no Royal Kingdom.
  • vs Keith Lee
  • Kyle O´Reilly vs
  • Mark Haskins vs Kenny Omega

Confira tudo isso e muito mais, sexta, a partir das 19 horas, aqui na House of Wrestling. Promos aceites até ás 18h do mesmo dia.

Nota: Devido à mudança do site para uma nova plataforma, os shows anteriores ficaram indisponíveis para visualização, bem como as promos. Pode clicar aqui para aceder ao documento com todos os shows da temporada e ainda ver a maioria das promos.

Cobertura: 

Após um mês sem shows, a House of Wrestling marca o seu retorno com um enorme espetáculo pirotécnico. Mauro Ranallo e Nigel McGuiness nos dão as boas-vindas enquanto toca “Chris is Awesome” e o Intercontinental Champion Chris Hero realiza a sua entrada sob um enorme pop das bancadas. Ele adentra o ringue e ergue a sua mão em jeito de cumprimento para com os fãs antes de se chegar perto das cordas para pedir um microfone. 

Hero: Aqui estamos nós, praticamente um mês sem shows devido às festividades, e como sabe tão bem estar de volta. – fãs soltam um pop – Espero que as vossas festas tenham sido tão boas quanto as minhas, mas agora temos um novo foco. É já no sábado da próxima semana que a House of Wrestling realiza o seu terceiro Pay-Per-View, o Royal Kingdom, e eu terei uma luta bastante complicada contra Zack Sabre Jr. Mas é por grandes combates que eu me tornei wrestler. É por duelos destes que lotam arenas facilmente que eu ainda disto a minha carreira. O evento vai ser no Reino Unido, uma região onde eu já fui bastante feliz e onde sei que serei recebido de forma bastante agradável pelos fãs. No entanto, o meu adversário também tem muita história no UK, até porque ele é britânico. Vai ser uma atmosfera fantástica e mal posso esperar para entrar em ringue nesse dia para vos proporcionar o melhor combate possível. Antes de qualquer coisa, eu quero chamar ZSJ até ao ringue.

Um pequeno silêncio ecoa na arena durante alguns segundos até finalmente tocar “Real Bone Master” e o britânico realizar a sua entrada até ao ringue. Ele pede um microfone e se posiciona de frente para o seu rival.

ZSJ:  Lá está o herói destas pessoas a fazer o que melhor sabe: dizer que vai fazer o melhor combate possível. E sabem que mais? Ele vai mesmo precisar de dar o seu melhor, porque mesmo assim vai ceder perante o Technical Wizard. Eu o prenderei em uma das centenas de submissões que sei executar e a única coisa que Hero pode fazer e resistir por alguns minutos, de forma a não passar vergonha, até não aguentar mais e bater três vezes no tapete. Hero, cuide bem do cinturão, pois, daqui a oito dias, ele estará na posse de um verdadeiro campeão.

O detentor do título dá dois passos em frente e fica cara a cara com o seu candidato.

Hero: Traga toda essa confiança para a nossa luta e me mostre que é digno de segurar isto. – ele ergue o cinturão – Acima de tudo, eu lhe desejo sorte, pois eu não sou o cara que recua perante o primeiro obstáculo, e pode ter a certeza que me obrigar a desistir será a tarefa mais difícil da sua vida. 

Hero estende a mão em sinal de respeito perante o seu rival, sabendo que será alguém complicado de vencer. ZSJ recua um passo e fica pensativo sobre o que fazer com os fãs a dizerem para ele aceitar. O desafiante então leva a sua mão lentamente em direção da mão de Hero, no entanto, mesmo antes de apertá-la, dá um forte chute no braço. O campeão não tem tempo de reagir, pois é levado até ao chão com um Drop Toe Hold e preso num Fujiwara Armbar em seu braço esquerdo. O público vaia, mas ele deixa a manobra presa durante vários segundos, o suficiente para causar danos ao membro de Hero. Ele se ergue e encara o cinturão caído no chão, porém volta novamente as suas atenções para o campeão e o arrasta para perto do poste que segura o ringue. Ele sai calmamente do ringue e prende uma submissão no braço já machucado com ajuda do poste, fazendo Hero gritar de uma dor que parece agoniante. 

Vários seguranças aparecem acompanhados por médicos e tentam controlar a situação, fazendo com que o britânico largue finalmente a manobra. Os seguranças o arrastam até ao topo da rampa para ficar a uma distância de segurança enquanto os médicos ajudam Chris Hero a se recuperar e o ajudam a ir para o backstage, onde será avaliado. Apesar da desvantagem numérica, ZSJ ataca os quatro seguranças, os derrubando com algum striking até prender um Octopus Stretch em um deles. Hero se solta dos árbitros e dá alguns passos em direção do seu rival, mas as movimentações fazem a sua dor no braço piorar, ele fica um um joelho no chão enquanto se “agarra” ao membro machucado e olha para ZSJ. Este, com um sorriso irônico no seu semblante, dá um dedo do meio ainda com a manobra presa, uma clara provocação ao campeão. Hero combate a dor e tenta ir na sua direção, porém os árbitros o impedem. ZSJ solta então golpe e ambos se ficam encarando á distância. Nós vamos para intervalo com esse clima de tensão entre os dois.

Comerciais…

Voltamos e vamos diretamente até ao backstage, onde vemos Brock Lesnar acompanhado de Paul Heyman. Eles perguntam a vários funcionários se viram Matthew Justice, mas parece que ninguém sabe onde ele está. A “Besta” então continua a sua procura.

Toca “Phenomenal” e realiza a sua entrada até ao ringue. O seu adversário, Keith Lee, vem de seguida ao som de “Limitless”.

Singles Match: vs Keith Lee

(8:29) Styles trouxe uma boa ofensiva, porém o seu adversário se mostrou mais inteligente e soube sempre como reagir da melhor forma possível. No final, Lee conseguiu a vitória após aplicar um Spirit Bomb.

Vencedor: Keith Lee

O “Limitless” realiza algumas celebrações enquanto é realizado um curto intervalo.

Comerciais…

Voltamos até ao backstage, onde vemos Kevin Owens comendo a sua marmita na zona de refeições, sentado sozinho no local. Poucos segundos depois, surge The Rock com uma torta em suas mãos, que se senta na frente de KO e começa a discursar.

Rock: Houve miúdo, eu sou um dos mais antigos da empresa e como tal eu exijo respeito por parte de novatos como você. Estou farto de ser menosprezado por você e pelos outros e está na altura de eu receber tudo aquilo a que eu tenho direito. Se você tem alguma coisa contra mim, então eu vou enfiar esta torta no seu traseiro obeso. 

Owens se irrita e atira parte da sua comida contra a cara de Rock, porém, após uma curta briga, o veterano o atinge com uma bandeja de ferro na cabeça e aplica um Rock Bottom em cima da mesa das refeições, a quebrando.

Rock: A facilidade com que você come panquecas ao pequeno-almoço, é a mesma facilidade com que eu te irei derrotar no PPV, junior!

Voltamos à arena e Mark Haskins realiza a sua entrada acompanhado por Vicky enquanto toca “Nowhere to Hide”. O seu adversário, Kenny Omega, vem a seguir com “Devil’s Sky”. 

Singles Match: Mark Haskins vs Kenny Omega

(3:22) A luta estava bastante técnica e até boa, porém foi interrompida por Austin Matelson que apareceu e atacou ambos os lutadores.

Resultado: No Contest

A campainha toca, mas Matelson continua o seu ataque até o terminar com um Double Chokeslam. Os fãs soltam algumas vaias ao sucedido, Matelson abandona a arena com os lutadores ainda caídos e fazemos uma curta pausa.

Comerciais…

Toca “Lightning & Thunder” e Kyle O’Reilly realiza a sua entrada até ao ringue. vem de seguida com “Club to Another World”.

Singles Match: Kyle O’Reilly vs

(7:01) Garza deu alguma luta com a sua ofensiva pelo ar, mas acabou por ceder perante o seu adversário e desistiu após sofrer um Cross Armbreaker. 

Vencedor: Kyle O’Reilly

Logo após a luta terminar, KOR pega em um microfone e desafia Matt Sydal para uma luta no Royal Kingdom devido às várias provocações dos últimos shows. Toca “If I Were” e Sydal aparece no topo da rampa, apenas acenando com a sua cabeça em jeito de confirmação. Eles se ficam a encarar enquanto fazemos uma pausa.

Comerciais…

Nós vamos até ao típico ambiente onde Luke Harper realiza as suas promos, pois o mesmo vai lançar um discurso.

Harper: Mike Bailey ou The Miz, um desses dois lutadores vai entrar no ringue comigo na próxima semana na tentativa de se tornarem Atlas Champion. Não vejo um derradeiro desafio em qualquer um deles, mas se eles ambicionam assim tanto me enfrentar, então eu garantirei que verão a luz ao fundo do túnel, aquela que os guiará até chegar à irrefutável realidade de que Luke Harper é um dos expoentes máximos desta empresa. 

Após esse segmento, nós vamos até ao backstage, onde vemos Matthew Justice no seu locker room.

Justice: Eu soube que Brock Lesnar estava à minha procura. Eu não me estou a esconder tal como ele deve estar a pensar, pois eu não tenho medo de o enfrentar. Por esse motivo, espero que ele esteja a ver esta transmissão, pois quero lhe dizer que estou no locker room número 18 à sua espera.

Justice solta uma gargalhada sarcástica antes de fazermos uma pausa.

Comerciais…

Quando voltamos, vemos Brock Lesnar com Paul Heyman a se dirigirem até ao local onde Justice disse antes do intervalo. Quando lá chega, ele dá um forte chute na porta, a arrombando completamente. Justice, que já estava à espera disso, salta imediatamente para cima dele e começa a socá-lo, porém Lesnar também não se fica e começam uma briga bastante intensa. Eles se arremessam contra as mobílias do local, mas sem arredar pé até vários seguranças aparecerem para os separar. Apesar disso, eles continuam a trocar farpas até à transmissão do segmento ser terminada.

Na arena, toca “Bruises” e Matths realiza a sua entrada até ao ringue. De seguida, toca “Elite” e é a vez de Shorty G entrar. Por fim, Jimmy Havoc aparece enquanto ecoa “The Art of Suffering”.

#1 Contendership to Openweight Title: Matths vs Shorty G vs Jimmy Havoc

(13:51) Uma boa luta com os três intervenientes a terem claras chances de vitória, no entanto seria Havoc a consegui-la após aplicar um Acid Rainmaker em G.

Vencedor: Jimmy Havoc

Com esta importante vitória, Jimmy Havoc vai enfrentar o Openweight Champion no Royal Kingdom, apenas esperando saber se será Bray Wyatt ou Rey Mysterio.

Comerciais…

Quando regressamos, é confirmada a luta entre Brock Lesnar e Matthew Justice para o Royal Kingdom. Outra luta anunciada é Kevin Owens vs The Rock devido ao que aconteceu mais cedo. Por fim, por causa do sucedido nos últimos shows, também confirmam a luta entre Chris Jericho e Triple H.

Rey Mysterio aparece ao mesmo tempo que ouvimos “Booyaka 619”. Depois, toca “Live in Fear” e o Openweight Champion Bray Wyatt realiza a sua entrada até ao ringue.

Openweight Title Match: Bray Wyatt (c) vs Rey Mysterio 

(6:34) Em uma luta totalmente dominada pelo campeão, o mesmo evitou que Rey ditasse o ritmo do combate e o finalizou com um Sister Abigail.

Vencedor: Bray Wyatt

Desta forma,a luta entre “The Fiend” e Jimmy Havoc fica confirmada para o Royal Kingdom que acontece no próximo dia 18.

Comerciais…

Vamos agora para a última luta do show, que vai valer uma chance pelo Atlas Championship. é o primeiro a realizar a sua entrada enquanto toca “I Came To Play”. Mike Bailey vem de seguida ao som de “Hero”.

#1 Contendership to Atlas Title: vs Mike Bailey

(12:09) Numa luta equilibrada, Miz conseguiu vencer o seu parceiro após aplicar um Skull Crushing Finale.

Vencedor:

Miz celebra a sua vitória e estará enfrentando Luke Harper no Royal Kingdom pelo Atlas Championship.

Comerciais…

Toca “Hero” e Seth Rollins realiza a sua entrada até ao ringue sob vaias enquanto vemos as repetições do seu ataque a Shane Strickland.

Rollins: Como sabe bem estar de volta, desta vez sem pesos mortos para carregar. Durante grande parte da minha estadia aqui na empresa, eu carreguei fracassados como Jon Moxley, mas está na hora de deixar isso para trás, porque o verdadeiro Seth Rollins acordou para deixar a sua marca na House of Wrestling. Muitos questionam a minha qualidade por causa dos meus últimos três meses, portanto pensei que estava na hora de fazer algo que deixasse impacto nas mente das pessoas. E, durante o último mês, sem shows, uma pergunta pairou em vocês: porque Seth Rollins atacou Shane Strickland? – ao se recordarem disso, as pessoas o vaiam – A resposta é bastante simples, porque Seth Rollins pertence ao topo, ao contrário de Shane Strickland. Bem, ele não tinha rival para o Royal Kingdom, então decidi fazer o que ninguém lá atrás tentou e me cheguei à frente na fila. – ele encolhe os ombros, mostrando desprezo na fala – Está na hora de encerrar com essa farsa que ele representa, pois cada um de vós apenas está atraído pela sua extravagância, mesmo sabendo que ele não tem a qualidade que aparenta ter. Diferente dele, eu não me importo com o que cada um de vocês pensa sobre mim, o meu ego não se alimenta disso. Eu apenas garanto que uma nova era está a chegar a esta empresa e que Seth Rollins será o principal nome por detrás dela. No Royal King…

Rollins não teve chance de terminar o seu monólogo, pois “Swerve” ecoa na arena, fazendo soar uma enorme chuva de aplausos. Os fãs gritam pelo HOW Champion até o mesmo surgir finalmente no topo da rampa e caminhar até ao ringue. Ele dá meia volta ao mesmo, indo pegar um microfone antes de adentrar as cordas e se posicionar de frente de Rollins. O “Swerve” o encara através das lentes dos seus óculos escuros e começa a discursar.

Strickland: Ao contrário destas pessoas, eu admiro a sua atitude, pois sei que você realmente tem qualidade. É um ciclo normal nesta indústria, onde os campeões têm um enorme alvo nas suas costas e sofrem com constantes ataques daqueles que sonham em um dia se tornar com eles. No fim de contas, essa é a sua essência. Quem se chega à frente recebe as oportunidades, diferente daqueles que se encostam ao seu canto. No entanto, Seth, eu temo que você se meteu com o campeão errado, pois esta linda história ainda tem muitos capítulos a serem escritos até surgir o seu fim. Eu aceito o seu desafio, eu o verei em Birmingham na próxima semana, mas acima de tudo, eu o verei na guerra, pois é isso que acontece a cada um que se atreve a entrar no meu espaço. Traga a sua personalidade, traga as suas armas, traga a sua agonia, se prepare para descobrir que Shane Strickland não é algo somente usado pela mídia, mas sim uma força real que impinge traumas em seus opositores, aparecendo nos seus piores pesadelos. No final do dia, você será apenas mais um dos que sucumbiu perante o “Swerve”, pois isto aqui permanecerá na sua posse até à eternidade!

O campeão larga o microfone e se chega à frente, erguendo o seu cinturão perante Rollins. Os fãs soltam um pop enorme após as suas palavras e temos o show terminado com uma troca de olhares entre ambos. 

Fim de show.

Contato | Politica de Privacidade | Sobre nós | Equipe | Anuncie
Copyright (c) 2010-2022 Wrestling Noticias - Todos direitos reservados