Ex: Aj Styles, CM Punk, WWE, All Elite Wrestling e etc...

Lutadores da WWE que nunca conquistaram títulos no NXT

Como todos nós bem sabemos, o NXT é usado como um território de desenvolvimento para a WWE desde sua reformulação após substituir a FCW. Mesmo que alguns encarem a marca amarela como uma terceira brand, ainda funciona para desenvolver talentos que, uma hora ou outra, irão subir para o ou , o famoso main roster da WWE.

Porém, nem todos os lutadores que sobem, alguns até bem famosos, chegaram a conquistar cinturões no NXT. Hoje, veremos aqui alguns lutadores recorrentes ou famosos no main roster atual da empresa que passaram pelo NXT e não conquistaram nada naquela brand. Sem mais delongas, bora lá:

Baron Corbin

Atualmente desolado por perder sua coroa para Shinsuke Nakamura após uma longa feud, Corbin sempre foi tratado pela WWE como um lutador muito promissor, mesmo quando fizeram ele usar a maleta do MITB para o cash-in e ser derrotado em alguns instantes. No NXT, porém, Corbin surgiu como um lutador que poderia ter um bom futuro, afinal, ele derrotou bastante gente antes de subir para o RAW, vencendo a Andre The Giant Memorial Battle Royal um dia antes disso. O fato é que Corbin nunca conquistou nada no NXT, o que é aceitável se pararmos pra pensar nos lutadores que a marca tinha entre 2012/16.

“WWE stands for…” é, você definitivamente sabe como completar isso aqui. Elias, bom, podemos defini-lo como o homem escada. Ele ganha alguma coisa ? Não, ele mais serve pra “elevar” os outros do que qualquer coisa, mesmo que geralmente é ele quem precisa ser elevado pra conseguir cumprir a função. Mesmo tendo sido o NXT Breakout Superstar de 2018, a WWE simplesmente não vê algo tão grandioso em Elias. O público, incluindo eu, se conecta bastante com os segmentos musicais e tals, mas a maior conquista dele até agora foi o 24/7 Championship e nem foi no NXT.

Mia Yim

Seja Mia Yim, ou Reckoning, admita, você também achou que a WWE fosse usar ela bem. Começando pelo fato de que ela subiu do NXT um pouco cedo, ok, a gente entende que a divisão feminina do NXT é esplêndida e tem uma fila enorme pelo Women’s Title, mas ela estava entre as cinco primeiras pra conseguir o cinturão. Subiu ao main roster, ingressou no flop que foi a RETRIBUTION e agora está sumida. Se a WWE quiser salvar a carreira dessa mulher do zero, manda pro NXT e dá o cinturão pra ela, confia.

Sendo uma das mulheres mais condecoradas na era recente da WWE, é até estranho pensar que Lynch é a única das Four Horsewomen (junto de , Bayley e Sasha Banks) que não conquistou um cinturão no NXT. Na verdade, ela nem era vista como algo tão grande assim, a carreira inicial dela no main roster foi o que construiu um afeto com os fãs e levou ao que chamamos de “The Man”, a famosa gimmick mais recente dela e que transformou ela no que nós conhecemos hoje em dia. Talvez ela pudesse ter subido com mais moral após conquistar o NXT Women’s Title ? Possivelmente, mas não foi isso que aconteceu.

Apollo Crews

O Apollo se enquadra numa categoria muito interessante da WWE, a categoria “lutadores que foram promovidos muito cedo ao main roster”. O cara teve o que, umas oito ou nove lutas oficiais no NXT ? Nem deram tempo o suficiente pra ele construir algum tipo de momento pra entrar de vez na rota do NXT Championship. Mesmo que ele tenha vencido uma Battle Royal e tenha enfrentando Finn Balor pelo NXT Championship, não era a hora. Decidiram subir ele cedo demais e viram as consequências, porque o cara ficou perdido por muito tempo no main roster até finalmente se achar.

Dominik Dijakovic

Não, o nome dele não é T-BAR, esse nome é um erro e eu me recuso a ficar citando mais do que uma vez aqui. Voltando, Dijakovic também foi promovido um pouco cedo demais. O cara chegou sendo “pouco conhecido” e teve que construir um certo nível de intimidade com os fãs da WWE do zero, algo que até fortaleceu o personagem dele ali dentro. As chances dele, porém, foram barradas por um que tinha acabado de conquistar o North American Championship e um Adam Cole imparável, nem em dupla ele conseguiu algo. Hoje em dia está no main roster, mas eu rezo todos os dias pra que ele volte ao NXT.

Uma das lutadoras mais talentosas da WWE e a atual SmackDown Women’s Champion, Bianca Belair tem o pacote completo de uma estrela, porém, não arrumou nada no NXT. Ela teve bons momentos na marca, fazendo parte do time de no WarGames 2019 e chegando a enfrentar pelo Women’s Title no TakeOver: Portland, mas não conseguiu a vitória e ficou sem o cinturão. Enquanto ainda no NXT, ela conseguiu ter uma performance histórica no Women’s 2020 e chegou mais perto de vencer a luta lá do que algo no NXT. No fim, nada disso importa muito porque a garota está arrasando no SmackDown.

Nikki A.S.H

Talvez você não assimile tanto graças a nova gimmick dela, mas você certamente a reconhece quando eu cito a sua antiga persona, Nikki Cross. A “Twisted Sister” fez parte do grupo Sanity no NXT e se envolveu em uma grande feud com Asuka, tendo uma baita Last Woman Standing Match e consequentemente falhando em conquistar o cinturão. Bom, seu tempo no NXT passou, ela subiu ao main roster e foi mais uma que ficou completamente perdida, até que a WWE lhe deu liberdade criativa e ela criou a gimmick de super heroína, vencendo o Women’s MITB 2021 e fazendo o cash-in para ser a atual RAW Women’s Champion.

Otis

Sim, você não leu errado, o Mr. Money In The Bank de 2020 nunca conquistou algo no NXT. Olha, eu sei que ele conquistar algo lá sozinho não faria sentido, especialmente porque no main roster a gente viu que realmente não daria certo, mas ele ainda tinha Tucker com ele. A Heavy Machinery foi uma dupla até que promissora e subiu bem rápido ao main roster, mas eles também não tiveram muito tempo pra brilhar. Se a WWE tivesse tentado dar um pouquinho mais de atenção pra esses caras, talvez nada do que aconteceu teria realmente acontecido, incluindo a storyline bem paia de Otis com Mandy Rose.

Shane Thorne

Pobre Thorne, talvez a palavra que melhor descreva ele seja: desperdício. Não desperdício porque a WWE não sabe como usar ele, quer dizer, isso também, mas o desperdício maior é por causa das lesões. Quando ele chegou na WWE ao lado de Nick Miller formando a TM-61, parecia que a WWE iria investir nos caras, realmente parecia. O ponto é que deu tudo errado, ele já vinha lutando lesionado no Dusty Classic de 2016, então não daria pra ele e Nicholls vencerem a final do torneio. Apenas lembre-se disso, ao invés de toda a feud ser Gargano e Ciampa vs. Revival vs. Authors of Pain, eram pra ser Thorne e Nicholls no lugar dos AOP. E não, até hoje ele não conquistou nada no NXT.

E aí, o que acharam dos nomes citados ? Quais outros vocês adicionariam na nossa lista ? Até mais!

Contato | Politica de Privacidade | Sobre nós | Equipe | Anuncie
Copyright (c) 2010-2021 Wrestling Noticias - Todos direitos reservados